domingo, 20 de fevereiro de 2011

Rio resgata carnaval de Blocos

Fui neste sábado, pela primeira vez neste período pré-carnaval, curtir um bloco de rua aqui na minha cidade maravilhosa. Depois de tanto tempo tive uma bela surpresa: Nunca vi tamanha organização!

O carnaval de rua é tradição aqui no Rio. Bandinhas, foliões animados, fantasiados, bebendo, rindo e se divertindo entre os amigos... Esses blocos são a cara e a alma do carioca. Em todo canto da cidade tem bloquinho passando, marchinha tocando e pessoas felizes, celebrando a vida!

Só que tem um tempo que estava impraticável ir curtir os blocos. Era muita gente, empurra-empurra, cidade suja, violenta, cheiro de xixi em toda parede... Dessa vez, me surpreendi mesmo, pois nunca vi tamanha organização, tanto da prefeitura e quanto dos cariocas!

Trânsito fechado, agentes de trânsito orientando, PMs, TODOS os ambulantes uniformizados, com preços padronizados... e o melhor: Banheiros, muitos banheiros. Tem um tempo que o prefeito Eduardo Paes decretou que não podemos mais fazer xixi na rua... E parece que ele, em sã consciência, lembrou de viabilizar para que não precisássemos recorrer a nenhuma parede!

Havia muitos banheiros públicos espalhados pelo percurso, segurança organizando as filas, pessoas educadas nas filas esperando sua vez, e senhoras mantendo os banheiros limpos!!! Uau! Nunca tinha visto isso no Rio... confesso!

O melhor foi ver, que além do show da prefeitura, que na verdade não fez mais que sua obrigação, o carioca gosta de limpeza e pode ser bastante educado! Vi todo mundo esperando a vez na fila, sem vuco-vuco, bem civilizadamente!

E isso é muito para a nossa cidade. Temos tradição em carnaval de rua, temos blocos maravilhosos por toda a cidade, essa que por sinal, além de maravilhosa é esplêndida! Se tudo sempre estiver organizadinho assim, choverá ainda mais gringo aqui, para curtir nosso carnaval e deixar seus dólares em nossa economia!

Obs.: A foto que ilustra o texto foi publicada no jornal O Dia, em sua versão para internet.

5 comentários:

Sofia disse...

SER MULHER

Ah, ser mulher!

Ser mulher é ver o mundo com doçura,
É admirar a beleza da vida com romantismo.
É desejar o indesejável.
É buscar o impossível.

O poder de uma mulher está em seu instinto
Porque a mulher tem o dom de ter um filho,
E cuidar de vários outros filhos que não são seus.

Ah, as mulheres!
Ainda que sensíveis
Mulheres conseguem ser extremamente fortes
Mesmo quando todos pensam que não há mais forças.

Mulheres cuidam de feridas e feridos
E sabem que um beijo e um abraço
Podem salvar uma vida,
Ou curar um coração partido.

Mulheres são vaidosas,
Mas não deixam que suas vaidades
Suplantem seus ideais.

Muitas mulheres mudaram o rumo
E a história da humanidade
Transformando o mundo
Em um lugar melhor.

A mulher tem a graça de tornar a vida alegre e colorida,
E ela pode fazer tudo isto quantas vezes quiser
Ser mulher é gostar de ser mulher
E ser indiscutivelmente feliz
E orgulhosa por isso.

- Brunna Paese -

Colaborador Agite disse...

Oi Daniel, tem uma promoção super bacana lá no Agite do livro "A Hospedeira"
Participe! http://t.co/bCCvOSO

Nelson Ribeiro disse...

cadê os novos posts? você escreve muito bem, parabéns e sucesso! Abraço.

Franciele Câmara disse...

Obrigado por visitar o Apaixonadas por Cosméticos, volte sempre! Beijos
http://apaixonadasporcosmeticos.blogspot.com

Allan R. Regis. disse...

Organização não é algo fácil, embora simples, por isso faz bem reconhecer e divulgar quando ocorre.

Acredito que a organização demonstrada incentive na população um certo sentido de "ordem", disciplina.

Embora seja certo que, mesmo com muitos banheiros hajam aqueles que simplesmente não querem usálos ,(seja por uma espécie de autoafirmação ou apenas desleixo) o fato é: a população, ao menos em traços amplos, tente a ordem, a se adaptar, pois tem condiçoes de avaliar e julgar o que seja melhor, ao menos quando se empenha nisso.

Quem seria se fosse assim em tudo, na vida de cada um.