quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Vestidas de Noiva

E aí? Qual foi o sentimento que a foto acima lhe despertou?
Nojo? Revolta? Admiração? Orgulho? Repulsa? Indignação? Perplexidade?

Confesso que mesmo para uma criatura que se considera bastante desprovida de preconceito, a imagem desperta um turbilhão de sensações. Estamos diante de um mundo novo que se forma?Aquilo que hoje conhecemos como família foi colocado em xeque por uma parte da sociedade que simplesmente quer viver a sua maneira, ter o seu próprio modo de ser feliz. Maneira essa que transgride um modelo que vigora desde o início dos tempos.

Um vestido se une ao outro, num emaranhado de panos brancos. Já não há mais o noivo. Aquele que estaria de prontidão para proteger, amar e honrar a noiva, não faz parte dessa família. Hoje, a sutileza da noiva, o andar sob a marcha que encanta e emociona, é tocado novamente, não para saída do casal recém formado, mas para a entrada da segunda companheira.

Um dia, imaginamos que os negros não tinham alma. Em outro momento, achávamos que a mulher servia apenas para servir. Hoje, somos novamente colocados à prova, e cabe ao futuro dizer se será comum termos casamento de iguais, e um novo tipo de família.

Mas com que olhos visualizamos tal cena? Com as nossas crenças, valores, em juízo do outro, ou será que somos capazes de olhar o momento, de perceber a importância dele para outras pessoas, despindo-se da hipocresia de exigir que todos sejam iguais ao que pregamos?

O debate é longo, tantas são as questões envolvidas... Para absorver tal cena e dar seu parecer, tudo o que somos vem a tona e o que somos capazes de suportar.

Admito que jornalisticamente gostaria de ter ido a essa cerimônia. Mas, pessoalmente, ainda não sei como veria esse intrigante mundo novo. Apesar de tudo que penso, é muito diferente de tudo que sempre vimos.

Quer contribuir? Entre no comentário e diga o que sentiu ao ver a foto.

A foto acima refere-se ao primeiro casamento de duas mulheres realizado nesta semana, pela Igreja Evangélica Contemporânea, no Rio de Janeiro. Publicada pelo Jornal Extra.

33 comentários:

guilherme disse...

Freud diria que já quase não se sobrevive a uma mãe, que dirá a duas.. rs..
Eu fico bastante intrigado com a vontade dos homossexuais de se casar com os ritos heterossexuais. Porque todo o simbolismo, os ícones, representam a tradição construída pela sociedade heterossexual, ainda mais essa foto, digna da tradição judaico cristã.
De fato, sendo a família o menor elemento estrutural da sociedade, o adobe social, não sabemos que sociedade se formará com famílias em novos formatos. Se é que podemos chamar de famílias. Não sei. O tempo dirá.
Só espero profundamente que as pessoas encontrem sua verdadeira alegria e paz.
Um beijão, Dan.

guilherme disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Macaco Pipi disse...

nossa
mas é uma coisa boaa

iti disse...

Sem nenhum preconceito, concerteza.
Não sou gay, ou mesmo bi.
mais cada um tem sua escolha, se isso o agrada, que tem de mau.
afinal, quem tem de ser feliz é a propria pessoa....

rs
http://www.maquinazero.com.br/blog/

Sandro Batista disse...

Olho a foto com naturalidade.

Como bem dito no post, se formos abrir um grande debate em torno do tema, esbarraremos em questões que vão muito além. O conceito de família, instituído pela bíblia e pela própria Lei, traz um machismo implícito. Desde os primórdios a mulher foi vista como a procriadora, ou seja, servia apenas para que desse cria e mais nada. Não existe um modelo de família que possa ser considerado como exemplo. Não vejo no modelo de família (pai, mãe, filhos, etc), um modelo que possa servir de modelo para algo. Pais traem as mães. Filhos destratam os pais. Mães abandonam seus filhos. Filhos se matam. Enfim, o mundo maravilhoso e belo que a palavra família sugere, esbarra em questões e verdades , por exemplo, como a do pai que jogou a filha pela janela. A do filho que matou os pais porque não queriam lhe dar dinheiro para usar droga.
Não existe o "novo"... Tudo isso existe desde que o mundo é mundo, mas nós sempre preferimos acreditar nos conceitos que na prática não existem!

Abração

http://estacaoprimeiradosamba.blogspot.com/

Dih disse...

Realmente é uma imagem bem extranha no meu ponto de vista..
Não tenho o menor preconceito porque assim como eu pude optar por ser Heterossexual os outros seres humanos tem o mesmo direito que eu de escolher e ser feliz e lindos do jeito que eles são... Porque o importante é estarmos felizes com quem realmente somos..

Você escreve bem parabens !!

http://projetosdeumlouco.blogspot.com/

Ana Carolina disse...

Bom sou uma pessoa bem tranquila em relação a isso , sou meio que a favor do amor ... se é entre pessoas do mesmo sexo ou não pra mim não faz qualquer diferença se isso for trazer felicidade ao casal
mas como você mesmo escreveu no inicio do post "Confesso que mesmo para uma criatura que se considera bastante desprovida de preconceito, a imagem desperta um turbilhão de sensações."


adorei seu post coloca várias questões a se pensar
parabéns pelo blog :)

http://conflitopsiquico.blogspot.com/

Letícia disse...

Não senti absolutamente nada ao ver a imagem. Acho que já estava mais do que na hora das pessoas poderem realizar aquilo que querem ser ter que aguentar essa hipocrisia que existe na nossa sociedade onde se condena coisas tão simples e se deixa passar coisas absurdas...homosexualismo existe desde que existe gente, é mais do que normal.

joão victor borges disse...

Vejo a foto com indiferença. Já se tornou mais uma vertente da cultura contemporânea...

Abraço! ;)

http://anpulheta.blogspot.com

CristaL. disse...

Ahhh cara, a primeira coisa q eu pensei qndo vi a foto foi que mais parecia um bolo gigante... Agora fiquei com vontade de comer glassê... Fora que a da direita parece a Joelma... só falta gritar CALYPSOOOO. Enfim...

www.brincandodefazerpiada.blogspot.com

L.A disse...

nao acho que as pessoas deveriam nojo revolta ou qualquer coisa do tipo. preconceito é uma coisa errada. ja passou da hora das pessoas se conformarem :)

Andre Mansim disse...

sinceramente eu sou contra união de pessoas do mesmo sexo!

Losterh disse...

Olhei pra foto e nada me aconteceu. Indiferença total.
Instituições criam vícios e procriam a burrice. Que bom que, pelo menos, o mundo muda.

P. Florindo disse...

Para mim, é um "até que enfim, as pessoas estão acordando para a vida e se libertando de padrões pré-estabelecidos por gerações".

Acho que a vida é muito curta para que as pessoas vivam escondidas por medo do que os outros vão pensar delas por serem homossexuais ou heterossexuais sem preconceitos.

Mas acho importante que homossexuais saiam do armário. Encoraja outros a fazerem o mesmo e a desmistificar o estereótipos como que eles são promíscuos, afeminados, etc...

P. Florindo disse...

A alguns comentários acima: ser homossexual ou heterossexual NÃO É QUESTÃO DE ESCOLHA. Fala sério. Se fosse assim, ninguém ia querer ser homossexual pois já ia saber que seria apontado e ridicularizado por ser diferente do padrão de "normalidade".

Luiz Paulo disse...

Ao ver a imagem me senti bem de ver que as coisas estão realmente mudando. Fala-se tanto de direitos iguais não é? Já estava na hora de realmente cada um fazer o que lhe convém, já que isso nao interfere na vida alheia..
Belo post daniel.

Carol Anjos - Baú Belém disse...

Acho que orgulho e admiração. Não tem como ser algo ruim.

Leandro Ferreira disse...

Cada um sabe do seu... na minha opinião, cada um pode achar o que quiser, mas cada sabe o que é melhor para vc e sabe se a escolha for errada, irá pagar o preço...então não me meto na vida de ninguem...

que sejam muito felizes elas duas...de coração

http://leandroferreirao.blogspot.com/

Adalberto Mota disse...

Sinto compreensão! Não vai mudar, para que criar guerra em cima de um fato que daqui uns dias será aceito pela sociedade, mas é claro que sempre terá ainda os preconceituosos.

Agora pela religião, não concordo.
Mas não tenho preconceito nenhum, o que importa é a pessoa ser feliz, indepedente de qualquer coisa.

Renan disse...

duas mulheres vestidas de noiva, isso é... HOT!

BLOGANDO COM RENAN
http://blogandocomrenan.blogspot.com

Francorebel disse...

Lindas!

Felicidade pra 2!

Mister Neurotic disse...

Entrei no Blog e percebi que o post recente tinha três videos e como minha internet não anda muito boa das pernas resolvi procurar outro. Olhei para a foto que ilustra a post e nada. Não pensei nada. Então lí "E aí? Qual foi o sentimento que a foto acima lhe despertou?" e tive que voltar para examinar. Eu olhei com tanta naturalidade a união dessas duas mulheres que em nenhum momento algum pensamento diferente passou em minha mente. Eu vejo garotas beijando garotos todos os dias e isso é tão normal. Cara, sério mesmo. Quando vejo um casal gay é como se eu vesse um hetero. Nem lembro que a pessoa é gay. Lésbicas e gays são tão normais em minha vida. Não me encomodam em nada. Não ferem minhas crenças e muito menos penso que isso vai contra a família e blábláblá. Eu mesmo sou gay e não me sinto diferente ou inferior a ninguém. Mas respondendo à sua pergunta: Quando olhei a foto ví apenas duas pessoas se casando e nada mais.

Natália disse...

Nojo, nojo. Muito nojo.
Uma lástima tudo ter se tornado tão normal para todos.
Daqui a pouco é errado ser hetero.
Não consigo me conformar com as coisas novas desse mundo

Karla Hack disse...

Eu achei elas lindas!
Independente da opção sexual da pessoa.. Acho que qualquer celebração do amor existente entre ambas é algo muito bonito!
Claro que cada um é cada um e, como você mesmo disse, vai presenciar a imagem conforme sua postura pessoal.
;D

Kobayashi disse...

Sem preconceitos. cada um tem o direito de escolher sua opção sexual e seus gostos e etc. A sociedade, junto com a igreja (cai entre nos), colocaram estigmas e diversos preconceitos em nossas cabeças mas cabe a cada um o que fazer da vida.

Felicidade para as garotas da foto.

Abraço

In Barlow disse...

SEM PRECONCEITOS, MAS ACHO ISSO UMA VERGONHA PRA ESSA IGREJA QUE SE DIZ EVANGÉLICA!!!!


www.inbarlow.blogspot.com

Clube do Filme disse...

Adorei.. Gente, a pessoa tem de ser feliz..

Pra mim "qualquer forma de amor é válida"..

Felicidades para elas!! [2]

Taís Siqueira disse...

Acho ótimo as pessoas começarem a ver a realidade e aceitá-la, aos poucos o mundo se acostuma.Deus é pai de todos, e amar (não importa quem) não é pecado, muito menos crime!

MickaellyAraújo disse...

Carambaaa que texto!
MUITO MUITO MUITO bem escritoo
parabéns mesmo
eu não vejo mal nenhum à cena, até porque preconceito não nos leva a lugar algum.
Estudo Serviço Social e trabalharei com todo tipo de pessoas.
Desde já digoo,todo mundo tem direito de viver do modo que mais o satisfaça.

Ayres ' disse...

Concordo com o Clube do filme
Pra mim tbm, ''Qualquer forma de amor é válida ''. Não importa se são ou não do mesmo sexo.
As pessoas precisam parar de enxergar o homossexualismo com tamanho preconceito.
As pessoas possuem o direito de escolha, são livres para fazer o que quiserem.

enricows disse...

Sem preconceitos nenhum. Ao me deparar com a foto, não tive sentimento nenhum, pois isso é amor, para minha é a mesma coisa que um casamento heterosexual! Amor é amor não é? Quem é capaz de contradizer isso? Cada um tem seu gosto opnião e sexo! Quem somos nós para dizer o que é certo ou errado?
Parabéns pelo blog, é incrível!
Sucesso!
http://enricows.wordpress.com/

Loverocklive disse...

O importante é ser feliz e ponto final.

Junim disse...

Tema polêmico hein! Não sou a favor do casamento de pessoas do mesmo sexo. Não tenho nada contra essas pessoas, tenho até amigas lésbicas, porém não tenho que concordar e fazer apologia ao homossexualismo. Não tenho preconceitos, porém acho a cerimônia do casamento desnecessária nesses casos.